terça-feira, 15 de abril de 2008

Aao Sunao Pyar Ki Ek Kahani

Yhello!!

Voltei! E desta vez para falar de cinema.
Aqui ha dias fui apresentada ao cinema indiano. Ao que eles chamam aqui de Bollywood (ainda nao descobri porque, mas pronto...) Ora, com tanto indiano que ha nesta cidade eh super natural que na televisao inglesa passem filmes indianos. E oh que filmes, meus amigos! O que eu vi chama-se Krrish e tem de um tudo. A unica coisa que faltou, foi um cao que fala, porque de resto, esta la tudo! Eh um musical, sci-fci, accao, aventura, fantasia, romance, drama, comedia, artes marciais, extraterrestres e etc.
A coisa toda comeca num outro filme de nome "Koi... Mil Gaya", quando um senhor cientista espacial, inventa uma engenhoca qualquer para mandar mensagens para o espaco. Bela noite, vai ele no carro com a esposa e da-se uma grande tempestade. O carro capota e o homem morre, deixando a senhora gravida. Devido ao acidente, a crianca nasce com atrasos psicologicos. O tempo vai passando, ele vai crescendo, sempre muito parvinho e apaixona-se. Um dia, leva a rapariga para o meio do mato e o que eles encontram??? Um alien azul!!! E o que eh que o alien faz?! Toca-lhe com o dedinho e da-lhe poderes, assim do nada. E depois, desaparece, deixando o outro muito triste, mas agora, todo poderoso, com uma forca brutal, muito veloz e extramamente inteligente. De modos que um cientista la da Singapura manda vir o jovem para construir o seu novo projecto: um computador que preve o futuro. Ele, que entretanto casou, la foi, deixando a mulher gravida. Passam-se dois anos, e ele morre. A esposa quando sabe da noticia, da-lhe tambem o badagaio e morre de desgosto. La fica a avo a criar o bebe de nome Krishna. Acaba aqui esse filme, e comeca entao o "Krrish". O miudo vai crescendo e a avo percebe que ele herdou os poderes do pai. De modo a protege-l0 do mundo, leva-o para uma aldeia nas montanhas. Os anos passam, o nosso Krishna fica adulto, o actor eh o mesmo que fazia de pai dele, mas nunca ninguem percebe que sao iguais. Num belo dia de Verao, ele encontra-se com a Pryia, uma jovem que andava para ali a acampar e que, literalmente, lhe caiu de para-quedas em cima. Eh amor ah primeira vista! A gaja, que trabalha numa estacao de televisao, lembra-se que os poderes dele poderiam dar uma historia bacana, entao la o convence a ir para Singapura, dizendo que ele tem que ir conhecer a mae dela, para se casaram. Contudo, antes de partir, Krisnha promete ah avo nao revelar os seus poderes a ninguem. Ja na Singapura, esta ele muito bem num circo com a Pryia, quando aquilo comeca tudo a arder. E ele fica naquela: "ora bolas, eu prometi a avozinha que nao me ia revelar, mas agora tenho que salvar esta gente toda." Eh quando ele olha para o chao e ve uma mascara, ja ali a espera dele. E eis que nasce um novo super heroi: Krrish!Com um casaco igual ao do Matrix, la vai ele salvar o mundo.
Portanto, aqui esta um filme que engloba, sobretudo o Matrix, mas tambem, o ET, o Super Homem, qualquer coisinha de Crouching Tiger Hidden Dragon e o Tarzan. Temos, inclusive, direito a uma troca de olhares romantico entre o Kishna e uma chimpaze.
No meio deste fantastico enredo, ainda ha muita musica e danca de carisma indiano. Ja para nao falar dos muitos erros, como por exemplo, o pai do Krish saiu da terrinha, a mulher estava gravida, dois anos depois ele morre, pois e nao eh que a senhora deu ah luz no mesmo dia que ele morreu! E tambem, o pai morre num incendio, com um casaco vestido. Por artes magicas, a avo entrega esse mesmo casaco ao Krishna para este o levar para a cidade (eh o tal casaco do Matrix).
O mais interessante, eh que este eh um filme de sucesso. O homem ganhou um premio para melhor actor e estao a fazer uma sequela. De certeza que nesse filme ja vai haver um cao que fala!
Aqui ficam dois videos do "Krrish", para terem uma ideia:


O trailer.


uma das musicas do filme. Eu ate gostei das musicas e das coreografias :D
"Aao sunao pyar ki ek kahani
ek tha ladka ek thi ladki deewani"

( Come Let Me Tell You A Love Story
There Was A Boy, And A Crazy Girl)


Por hoje eh tudo, ja me alonguei muito. Ate a proxima!

Bollywood rula!!

3 comentários:

Argonauta disse...

Isso dos filmes indianos depois de um tempo é sempre a mesma história com diferentes protagonistas :P

Já agora, à dias disseram-me que se chama Bollywood porque é a zona (cidade) da Índia onde estes filmes são maioritariamente produzidos...as coisas que se aprende quando se trabalha numa empresa com 18 Nacionalidades diferentes...

Bill (kill) disse...

A india produz mais receitas no cinema que os EUA.

Já agora, olá Raquel, sabes quem sou? O senhor Pato Suicida do Belógue antigo. Mudei de nome (várias vezes) e estudo precisamente cinema. Não sei como tu andas, mas estás em Londres, logo deixa-me opinar que estás muito bem na vida. Digo isto com certa inveja, espero um dia ir a parar a Londres também.

Recebi o teu comentário no novo Belogue com entusiamo, porque tu eras frequentadora do antigo, tu e as amigas do guarda-roupa.

Por isso fixa: Pato Suicida - Agora é o - Bill.

Espero notícias.

(de certeza que a Izis vem cá parar ao teu blog também)

Cherry Blossom Girl disse...

Ora bem, que grande argumento! Nao, é mesmo uma estupidez pegada... lol Beijoca*